Ciência explica porque reclamar altera negativamente o cérebro

neuronios cerebro

Ouvir alguém reclamar, mesmo que seja você mesmo, nunca fez bem. Algumas pessoas dizem que reclamar pode agir como uma catarse, uma maneira de descarregar emoções e experiências negativas. Mas olhar com mais atenção ao que o ato de reclamar realmente faz para o cérebro nos dá motivos reais para lutar por um estado de espírito mais positivo e eliminar a reclamação de nossas vidas.

“Sinapses que disparam juntas, se mantém juntas”

O cérebro é um órgão complexo que de alguma forma funciona em conjunto com a consciência para criar a personalidade de um ser humano, sempre aprendendo, sempre recriando e se regenerando. É ao mesmo tempo o produto da realidade e o criador da realidade, e a ciência está finalmente começando a entender como o cérebro cria realidade.

Autor, cientista da computação e filósofo, Steven Parton, examinou como as emoções negativas na forma de reclamações, tanto expressas por você mesmo ou vindas de outros, afetam o cérebro e o corpo, nos ajudando a entender por que algumas pessoas parecem não conseguir sair de um estado negativo.

Sua teoria sugere que a negatividade e a reclamação realmente alteram fisicamente a estrutura e função da mente e do corpo.

“Sinapses que disparam juntas, se mantém juntas”, diz Parton, que é uma maneira concisa de compreender a essência da neuroplasticidade, a ciência de como o cérebro constrói suas conexões com base em tudo a que é repetidamente exposto. Negatividade e reclamações irão reproduzir mais do mesmo, como esta teoria destaca.

Parton explica ainda:

By Curtis Neveu - Own work, CC BY-SA 3.0,
By Curtis Neveu – Own work, CC BY-SA 3.0

“O princípio é simples: em todo o seu cérebro há uma coleção de sinapses (responsáveis por transmitir as informações de uma célula para outra) separadas por espaços vazios chamados de fenda sináptica. Sempre que você tem um pensamento, uma sinapse dispara uma reação química através da fenda para outra sinapse, construindo assim uma ponte por onde um sinal elétrico pode atravessar, carregando a informação relevante do seu pensamento durante a descarga.

… toda vez que essa descarga elétrica é acionada, as sinapses se aproximam mais, a fim de diminuir a distância que a descarga elétrica precisa percorrer …. o cérebro irá refazer seus próprios circuitos, alterando-se fisicamente para facilitar que as sinapses adequadas compartilhem a reação química e, tornando mais fácil para o pensamento se propagar. “

Além disso, a compreensão deste processo inclui a ideia de que as ligações elétricas mais utilizadas pelo cérebro se tornarão mais curtas, portanto, escolhidas mais frequentemente pelo cérebro. Isto explica como a personalidade é alterada.

No entanto, como seres conscientes, temos o poder de modificar este processo, simplesmente ao nos tornarmos conscientes de como o jogo universal da dualidade atua no momento em que surgem os pensamentos. Nós temos o poder de escolher criar pensamentos conscientes de amor e harmonia, garantindo assim que o cérebro e a personalidade sejam positivamente alterados.

A empatia e o efeito em grupo

Vamos além do efeito que a reclamação tem sobre o próprio indivíduo. Esta linha de raciocínio científico se estende até a dinâmica entre duas pessoas, explicando cientificamente como a reclamação joga outras pessoas para baixo.

Os “neurônios-espelho” garantem que aprendamos com o meio ambiente, e são também os elementos bioquímicos essenciais da empatia. O cérebro relaciona-se com o que outra pessoa está expressando, e a nossa porção empática responde “experenciando” essa emoção como uma tentativa de se relacionar e compreender o drama externamente.

Assim, quando alguém derrama um caminhão de fofocas, de negatividade e drama em cima de você, você pode ter certeza que está sendo afetado bioquimicamente, diminuindo as suas chances ser feliz. A exposição a este tipo de explosão emocional realmente provoca stress. E já sabemos que o estresse mata, portanto reclamação e negatividade podem estar contribuindo seriamente para a sua morte precoce.

Parton refere-se a essa perspectiva como “a ciência da felicidade”, e este comportamento de reclamação contínua oferece um estudo propício para a ligação entre o poder do pensamento e a capacidade de controle que uma pessoa pode ter sobre a criação de sua realidade tridimensional.

“… Se você está sempre reclamando e menospreza o seu próprio poder sobre a realidade, você não pensa que tem o poder de mudar. E assim, você nunca vai mudar. “

 

Fontes:

Science Explains How Complaining is Negatively Altering Your Brain

http://www.apa.org/monitor/oct05/mirror.aspx
http://www.curiousapes.com/the-science-of-happiness-why-complaining-is-literally-killing-you/

Trilogia de autodesenvolvimento: aprendendo com o passado, transformando o presente e criando o futuro

Para receber mais artigos ou saber sobre atividades para seu auto desenvolvimento, clique aqui.

Instituto SerMente Livre

Deixe de ser lagarta. Invista no seu desenvolvimento pessoal:

Três cursos vivenciais para que você faça sua metamorfose!

livro da minha vida

Desvendando seu script oculto

Cada um de nós é responsável por escrever o livro da sua própria vida. Porém, poucos conhecem o roteiro oculto que impede nossas histórias de serem felizes, inéditas e plenas de realizações. Em dois dias de curso vivencial você terá oportunidade de identificar padrões de comportamento que afetam sua vida negativamente, tornar-se consciente do roteiro oculto que os mantém e libertar-se desse roteiro.

 as escolhas que façoDescobrindo seu propósito de vida

Você tem clareza de qual é seu propósito de vida? Sabe como colocá-lo em prática? Sabe o que ainda precisa desenvolver e como fazê-lo? Se você está buscando resposta para essas perguntas, esse curso foi feito para você.

 
 book-of-life-718655_1280AutoBiografia: significando sua história de vida

Neste curso vivencial você terá oportunidade de ganhar uma visão retrospectiva e mais…

Ver o post original 58 mais palavras

Tornando-se leve: dissolvendo as mágoas, liberando pesos e pessoas

mulher livre

Nossa história de vida está repleta de momentos desafiadores. Cada um destes momentos pode ser uma grande oportunidade de aprendizado, de aprimoramento, de mudanças positivas. No entanto, em grande parte das vezes tais dificuldades podem ser somatizadas em doenças, mágoas ou pesos em nossas vidas. Mas você pode mudar isso! Transforme sua dor, raiva e medo em forças positivas, assuma seu lugar, libere pesos e pessoas e torne-se uma pessoa mais feliz, plena, leve e amorosa.

Facilitação: Cecília Costa, PhD.

Data: 19 e 20 de maio/16

Local: Rua Sebastião de Barros, 166. Nova Granada, Belo Horizonte, MG.

Investimento: 200 reais (inscrições até 10 dias antes do evento tem 10% de desconto).

Para inscrever-se, ver outras atividades ou solicitar informações, clique aqui.

Renascer: Significando 2015 e co-criando 2016

egg-shells-706502_1280

O agora está sempre disponível para você agir, mas para criar ações positivas e transformadoras é preciso aprender com o passado e projetar o futuro desejado. A passagem de ano é um convite para deixar morrer o velho e dar luz ao novo. É a oportunidade de renascer para a vida, para as relações, para as ações e, principalmente, para você mesmo. Nesta oficina você será guiado a significar e aprender com 2015 e a dar forma e planejar 2016 para que você seja um co-criador ativo de sua realidade.

Venha empreender sua própria vida!

Facilitação: Cecília Costa

Investimento: Você escolhe com quanto quer colaborar financeiramente, buscando um equilíbrio entre o que você recebeu e o que você pode/quer dar).

Informações: sermentelivre@gmail.com ou (31)3164-0785 e (31)4062-7339 ou (31)97134-9246 (W’App).

FanPage: http://www.facebook.com/sermentelivre

Trilogia de autodesenvolvimento: aprendendo com o passado, transformando o presente e criando o futuro

Este slideshow necessita de JavaScript.

Deixe de ser lagarta. Invista no seu desenvolvimento pessoal:

Três cursos vivenciais para que você faça sua metamorfose!

livro da minha vida

Desvendando seu script oculto

Cada um de nós é responsável por escrever o livro da sua própria vida. Porém, poucos conhecem o roteiro oculto que impede nossas histórias de serem felizes, inéditas e plenas de realizações. Em dois dias de curso vivencial você terá oportunidade de identificar padrões de comportamento que afetam sua vida negativamente, tornar-se consciente do roteiro oculto que os mantém e libertar-se desse roteiro.

 as escolhas que faço Descobrindo seu propósito de vida

Você tem clareza de qual é seu propósito de vida? Sabe como colocá-lo em prática? Sabe o que ainda precisa desenvolver e como fazê-lo? Se você está buscando resposta para essas perguntas, esse curso foi feito para você.

 
 book-of-life-718655_1280 AutoBiografia: significando sua história de vida

Neste curso vivencial você terá oportunidade de ganhar uma visão retrospectiva e mais consciente de sua própria biografia, entendendo sua evolução, seus desafios e aprendizados, (re)significando os acontecimentos passados e ganhando mais discernimento para empreender os próximos passos.

 

Três cursos vivenciais para você aprender com seu passado, mudar o presente e planejar o futuro.

Inscrevendo-se simultaneamente nos 3 módulos, você ganha 20% de desconto.

Veja próximas datas, clicando aqui.

Curso vivencial: Desvendando seu script oculto

livro da minha vida

Cada um de nós é responsável por escrever o livro da sua própria vida. Porém, poucos conhecem o roteiro oculto que impede nossas histórias de serem felizes, inéditas e plenas de realizações.

Durante dois dias de curso vivencial cada um terá a oportunidade de desvendar seu próprio script oculto, conhecer a forma como ele influencia na sua história de vida e liberar-se de seus aspectos negativos. Siga escrevendo sua história de vida, agora de forma mais criativa, leve e plena de significado!

Para formalizar gratuitamente seu interesse e/ou pedir mais informações, clique aqui.